quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Novembro e Dezembro/2016: balanço mensal
Receitas e Despesas, Aportes, Carteira & Proventos


Então é Natal! Ou quase...

Embora já estejamos quase chegando no Carnaval, não poderíamos deixar de registrar o balanço relativo aos meses de novembro de dezembro, período em que novamente conseguimos obter bons aportes, reforçando nossa carteira para entrar em 2017 com tudo!
Mal podemos esperar pra ouvir novamente a bela canção!

Decidimos não mais escrever a seção "destaques do período" neste tipo de postagem porque, pelo que foi possível observar dos comentários e mensagens que recebemos, a parte que mais interessa aos leitores é aquela do Resumo Mensal, que contém as informações financeiras propriamente ditas.

Na seção de destaques acabávamos abordando temas mais específicos, como custos com o carro, saúde ou moradia, por exemplo. Logo no começo do blog publicamos o texto "Despesas em foco: CARRO" (leia aqui!), inspirados em alguns colegas que já o tinham feito antes. Em novembro/16 o Pobre Japa publicou um estudo sobre o quanto havia gasto com o apartamento dele desde então (leia aqui!) e daí em diante decidimos abordar assuntos correlatos da mesma forma, em posts específicos pra isso (logo mais sai o do nosso apê, Japa!).

Assim, de forma bem mais direta, nossos posts de fechamento passarão a abordar diretamente o resumo patrimonial/financeiro, ainda agrupando as informações em Receitas e Despesas, Aportes, Carteira e Proventos.

Vamos ao que interessa!


Resumo do Bimestre

Receitas- receita total de R$24,1k em novembro e de R$18,8k em dezembro:
Novembro e Dezembro/2016: Receitas

As receitas "ativas", decorrentes de nossas atividades principais, secundárias ou eventuais, corresponderam a mais de 97% do total nos meses em assunto. Embora não tenhamos realizado grande operações na bolsa, o rendimento se manteve num nível maior em relação aos meses passados por causa de itens como 13º salário e restituição do IRPF, por exemplo.

As receitas "passivas", por sua vez, aumentaram nos dois últimos meses do ano, de certa maneira proporcionalmente aos aportes realizados nas carteiras de ações e fundos imobiliários. Todavia, comparando-se à receita global, os proventos recebidos ainda não atingiram a marca de 3%, chegando a 2,7% do total no mês de dezembro.

A seguir detalhamos a receita obtida com operações de trade realizadas no mês de novembro:
Novembro/2016: Trade (não houve operações do tipo em dezembro)

Despesas- em linha com o padrão esperado para cada mês, a despesa da família ficou em R$6,1k em novembro e em R$9,6k em dezembro.
Novembro e Dezembro/2016: Despesas

A elevação de cerca de R$3,5k de um mês para outro é explicada pelas varíaveis sensíveis às festividadades de final de ano: compras de supermercado, presentes, roupas...


Aportes-

Mais dois ótimos meses em termos de aportes, totalizando R$27,7k em termos líquidos:

Novembro-
Novembro/2016: Aportes

Dezembro-
Dezembro/2016: Aportes

Carteira e Proventos-

Ao final de dezembro, a carteira "Nem Luxo Nem Lixo" ficou assim:
Novembro e Dezembro/2016: Carteira e Proventos

E a relação Aportes X Carteira ficou assim:

Ao todo, quase R$96k aportados na carteira!

Nós não tínhamos essa meta aberta, mas agora que temos o número, o objetivo é dobrar a meta.
Ok, "dobrar" os aportes é tarefa complicada. Que tal aumentar inflação de 2016 + 20%!? Deal!


Pra frente!